Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10174/24299

Title: Alternariose – Uma nova doença a considerar no olival
Authors: Carvalho, Teresa
Materatski, Patrick
Varanda, Carla
Arias-Caderón, Rocio
Campos, Doroteia
Rei, Fernando
Félix, Maria Rosário
Keywords: oliveira
lesões
Alternaria alternata
queda de frutos
alterações climáticas
Issue Date: Jun-2018
Publisher: VIII Simpósio Nacional de Olivicultura
Citation: Carvalho et al., 2018
Abstract: No outono de 2017 observou-se que oliveiras da cultivar Arbosana, apresentavam elevada queda prematura de frutos, os quais apresentavam lesões necróticas na zona de inserção do pedúnculo provocando a queda dos frutos. Estes frutos sintomáticos, foram observados em cerca de 40% das árvores pertencentes a dois olivais situados em duas regiões distintas: Alentejo (Monforte) e Ribatejo (Abrantes). O principal objetivo deste estudo foi isolar e caracterizar, morfológica e molecularmente, o agente patogénico associado a estas lesões. Para isso foram amostrados frutos sintomáticos em ambos os olivais, tendo estes sido desinfetados superficialmente para suprimir microrganismos epifíticos. Após a desinfeção, pequenos troços das lesões dos frutos foram colocados em meio de cultura e incubados durante 7 dias. A análise microscópica de preparações obtidas dos crescimentos em placa permitiu observar um micélio corado e septado e com a presença de conídeos também septados com forma irregular de tamanho 7-45 μm. Os vários isolados de fungos obtidos, foram utilizados para extração de DNA total e identificados molecularmente como Alternaria alternata através de sequenciação da região ITS (Internal Transcribed Spacer) e de parte do gene da βeta-tubulina 2. Após ensaios de patogenicidade, em que se seguiram os postulados de Koch, confirmou-se que o fungo A. alternata é o agente causal da doença que provocou a queda dos frutos observados nos olivais. Tem-se vindo a observar sintomas desta doença em folhas e botões florais com persistência em países da bacia mediterrânica o que nos leva a pensar que esta possa ser uma doença emergente devido às alterações climáticas que se vêm dando.
URI: http://hdl.handle.net/10174/24299
Type: lecture
Appears in Collections:FIT - Comunicações - Em Congressos Científicos Nacionais
ICAAM - Comunicações - Em Congressos Científicos Nacionais

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Carvalho et al., 2018 (abstract).pdf642.25 kBAdobe PDFView/Open
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Dspace Dspace
DSpace Software, version 1.6.2 Copyright © 2002-2008 MIT and Hewlett-Packard - Feedback
UEvora B-On Curriculum DeGois