Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10174/18210

Title: Manual de acesso: a pintura como uma forma de explicar o mundo
Authors: Menezes, Ana Teresa
Advisors: Portugal, Pedro
Keywords: Comportamento dos fenómenos visuais
Estudo da origem
Pintura
Issue Date: Apr-2008
Publisher: Universidade de Évora
Abstract: Propomo-nos investigar em que medida a prática artística pode ser entendida como produção de conhecimento: o processo criativo como uma forma de pensamento, ou seja, um processo cognitivo e, também, lúdico, assente na ideia de que toda a criatividade surge a partir do jogo. Este processo é mediado por toda uma série de estratégias, que pressupõem uma prática artística entendida como uma guerrilha plástica. As obras resultantes funcionam como modelos, microcosmos, ou mapas de uma determinada forma de ver o mundo, que é sempre uma abordagem particular, mas também parcial, incompleta e aberta a novas ligações. Serão analisados alguns momentos da história da arte em que esta, principalmente através da prática da pintura, foi produtora de modelos que moldaram a nossa forma de ver e pensar, como a perspectiva renascentista, que orientou a nossa percepção para uma visão euclidiana do espaço, contribuindo para a consolidação do modelo de racionalidade próprio da cultura ocidental, e a visão como uma experiência subjectiva, proposta pelos impressionistas com base no estudo da origem e comportamento dos fenómenos visuais. //ABSTRACT: We propose to investigate how artistic practice can be seen as production of knowledge: the creative process as a way of knowledge, that is, a cognitiva and also ludic process, supported in the idea that ali creativity has its origin in playing. This process is mediated by a series of strategies, which presuppose an artistic practice seen as a plastic guerrilla. The works function as models, microcosms, or maps of a particular way of seeing the world, always a personal approach, but also partial, incomplete and open to new connections. We will analyse some moments in art history, when art, mainly through the practice of painting, worked a producer of models that informed our way of seeing and thinking, such as the renaissance perspective, which oriented our perception towards an Euclidian vision of space and contributed to the consolidation of the rational model of occidental culture, and also the vision as a subjective experience, proposed by the impressionists, based on the study of the origin and behaviour of visual phenomena.
URI: http://hdl.handle.net/10174/18210
Type: masterThesis
Appears in Collections:BIB - Formação Avançada - Teses de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Ana Teresa Menezes - Tese de Mestrado - 174 657.pdf19.23 MBAdobe PDFView/OpenRestrict Access. You can Request a copy!
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Dspace Dspace
DSpace Software, version 1.6.2 Copyright © 2002-2008 MIT and Hewlett-Packard - Feedback
UEvora B-On Curriculum DeGois