Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10174/14120

Title: Impacto do contributo da cruz vermelha internacional no desempenho da missão humanitária, com realce em Angola e na Namíbia
Authors: Quifica, Valter Bongo Guange
Advisors: Cunha, Silvério da Rocha
Keywords: Angola
Namíbia
Cruz Vermelha Internacional
África Austral
Mudanças climáticas
Comunidades vulneráveis
Metas do desenvolvimento do milénio
Federação Internacional
Henry Dunant
Estratégia
Comité Internacional da Federação Internacional
Segurança alimentar
Prevenção
Alívio
Risco
Estratégias
Desenvolvimento
Contingência
Abrigo
Necessidades
Parcerias
Desafios
Direito humanitário
Aviso prévio
Agenda global da Federação Internacional da Cruz Vermelha
Desenvolvimento
Caridade
Sustentabilidade
Calamidades
Convenções de Genebra
Trabalho do voluntariado
Direito humanitário internacional
Sociedades nacionais
Angola
Namibia
International red cross
Africa Austral
Climate changes
Vulnerable communities
Millennium development goals
International Federation
Henry Dunant
Strategy
International Committee
International Federation
Food security
Prevention
Relief
Risk
Strategies
Development
Contigency
Shelter
Needs
Partners
Challenges
Humanitarian rights
Early warning
Global Agenda of the International Federation of Red Cross
Development
Charity
Sustainability
Calamities
Geneva conventions
Voluntary work
International humanitarian right
National Societies
Issue Date: 2011
Publisher: Universidade de Évora
Abstract: A iniciativa assumida neste trabalho visa procurar, recolher, analisar e apresentar, de maneira clara e objectiva, dados sobre o trabalho da Cruz Vermelha Internacional e do Crescente Vermelho ao longo dos tempos em torno do mundo, com particular destaque em Angola e na Namíba, países situados na Região da África Austral, no Continente Africano. A análise constitui uma reflexão sobre o impacto das actividades humanitárias da Cruz vermelha e documenta algumas políticas e práticas que afectam os fluxos de serviços de ajudas de alívio na zona mais a sul do continente Berço da; A iniciativa assumida neste trabalho visa procurar, recolher, analisar e apresentar, de maneira clara e objectiva, dados sobre o trabalho da Cruz Vermelha Internacional e do Crescente Vermelho ao longo dos tempos em torno do mundo, com particular destaque em Angola e na Namíba, países situados na Região da África Austral, no Continente Africano. A análise constitui uma reflexão sobre o impacto das actividades humanitárias da Cruz vermelha e documenta algumas políticas e práticas que afectam os fluxos de serviços de ajudas de alívio na zona mais a sul do continente Berço da humanidade.O presente trabalho integra seis (6) capítulos diferentes, onde o primeiro versa sobre origem, os componentes e o processo de integração do movimento, assim como os objectivos, missão, trabalhos, importância do voluntariado e algumas políticas e regulações da Cruz Vermelha Internacional. O segundo capítulo trata de enfatizar a importância e desafios da Cruz Vermelha Internacional na aplicação do Direito Internacional Humanitário, assim como de alguns direitos fundamentais dos cidadãos, no processo de realização do trabalho humanitário da Cruz Vermelha. De igual modo, é nesta parte do texto onde o autor aborda, com certo destaque, a questão das Convenções de Genebra e dos seus Protocolos adicionais. Os desafios e os obstáculos verificados na implementação da estratégica da missão humanitária da Cruz Vermelha Internacional encontram-se reflectidos no Capítulo 3. Mais concretamente, este capítulo destaca o conceito da missão humanitária, os actuais desafios do movimento face as fortes mudanças climáticas e outros desastres e, mobilidades populacionais, bem como uma tabela estatística que reflecte alguns impactos provenientes de desastres naturais. No quarto e quinto capítulos encontram-se reflectidas algumas experiências humanitárias, desafios e prioridades estratégicas das Sociedades Nacionais da Cruz Vermelha Internacional em Angola e na Namíbia, no processo de protecção de vidas de famílias, através da implementação de programas e projectos direccionados à identificação de riscos, redução de vulnerabilidade, prevenção sobre o HIV e SIDA, saúde social e outros tendentes a melhoria do estado de vivência das populações mais desfavorecidas. Finalmente, o último ou sexto capítulo contém as conclusões que integram algumas lições aprendidas, bem como principais sugestões e ou recomendações, visando, futuramente, melhorar o desenvolvimento do trabalho da organização, facto que grandemente proporcionará positivo impacto na vida de comunidades vulneráveis de vários países do mundo, particularmente em Angola e na Namíbia; ABSTRACT:The initiative assumed on this work tend to search, collect, analyze and present, in a clear and objective manner, data about the work of International Red Cross and Red Crescent all over the times around the world, with particular emphasis in Angola and Namibia, countries located in the Southern African Region, in the African Continent. The analysis constitutes a reflection on the impact of the humanitarian activities of the Red Cross and document some politics and practices that affect the flowing of services and relief aids on the zones more in the Southern African continent, the Cradle of Humanity. The present work integrates six (6) different chapters, where the first deals with the origin, the components and the process of the movement integration, as well as the objectives, mission, works, importance of volunteering and some politics and regulations of the International Red Cross.The Second Chapter manages to emphasize the importance and challenges of the International Red Cross on the application of the International Humanitarian Law, as well as of some fundamental rights of citizens, in the process of implementation of Red Cross Humanitarian work. Similarly, it is on this part of the text where the Author approaches, with some outstanding, the issue of the Geneva Conventions and its Additional Protocols.The challenges and obstacles observed on the implementation of the strategy of the humanitarian mission of International Red Cross are reflected in Chapter 3. More precisely, this chapter points out the concept of the humanitarian mission, the actual challenges of the movement due to the strong climate changes and other disasters and the populations mobility’s, as well as a statistical table that reflects some impacts proceeding from natural disasters. On the fourth and fifth Chapters are reflected some humanitarian experiences, challenges and strategic priorities of the International Red Cross and Red Crescent National Societies in Angola and in Namibia, in the process of protecting the lives of families, through the implementation of projects and programs aimed to identify risks, reduce vulnerability, prevent HIV and AIDS, and social health and others tending to improve the living status of the most unfavorable populations. Finally, the sixth or last Chapter contains the conclusions which integrates some lessons learned, as well as the main suggestions and or recommendations, tending to improve the development of the organization’s work in the future, fact that greatly will provide positive impact on the lives of the most vulnerable communities in various countries of the world, particularly in Angola and in Namíbia.
URI: http://hdl.handle.net/10174/14120
Type: masterThesis
Appears in Collections:BIB - Formação Avançada - Teses de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
UMA-Dissertacao RInternacs-14 Mar 2012.pdf1.43 MBAdobe PDFView/OpenRestrict Access. You can Request a copy!
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Dspace Dspace
DSpace Software, version 1.6.2 Copyright © 2002-2008 MIT and Hewlett-Packard - Feedback
UEvora B-On Curriculum DeGois