Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10174/11377

Title: Actividade de voo e distribuição espacial de Frankliniella Occidentalis (Pergande) (Thysanoptera: Thripidae) em culturas protegidas
Authors: Mateus, Célia Isabel Meirinho
Advisors: Araújo, Jorge Quina Ribeiro
Keywords: Thysanoptera
Frankliniella Occidentalis
Distribuição espacial
Proporção macho/fêmea
Issue Date: 1998
Publisher: Universidade de Évora
Abstract: "Sem resumo feito pelo autor"; No trabalho experimental desenvolvido sobre Frankliniella occidentalis (Pergande) (Thysanoptera: Thripidae), em culturas de estufa, não se detectou a existência de voo nocturno. Registou-se uma curva de voo bimodal, com um pico a meio da manhã e outro a meio da tarde, em relação à qual foram exploradas algumas hipóteses explicativas. Não se detectaram diferenças significativas entre machos e fêmeas quanto à periodicidade de voo. Apresentam-se os valores de temperatura e radiação solar associados à actividade de voo registada. Ao longo do dia, esta desenrolou-se, preferencialmente, ao nível do topo da cultura. A proporção macho/ fêmea foi superior no topo da cultura em relação aos níveis adjacentes. Os indivíduos em voo estavam distribuídos, horizontalmente, de modo agregado. Estimou-se que a velocidade de voo desta espécie se situa entre os 10 e os 22cm/ segundo. Em situações de muito baixa densidade populacional, detectaram- se "focos de ataque isolados", sem uma constância ou padrão de variação na localização desses focos, de semana para semana, e, em períodos de maior densidade populacional, verificou-se, igualmente, uma variação semanal na magnitude das capturas, nas várias quadrículas de captura, embora com a detecção de alguns locais de maior preferência dentro da área em estudo. Os adultos e as larvas encontravam-se preferencialmente em flores abertas, em relação a outros órgãos vegetais amostrados. Foram encontrados indivíduos no interior de botões florais aparentemente fechados. A grande maioria das pré-pupas e pupas não se encontrava na parte aérea das culturas. Os indivíduos pousados na cultura apresentaram uma distribuição ao acaso, sendo eles as unidades básicas de distribuição. O número de unidades de amostragem necessário à estimativa das densidades populacionais, para fins de protecção das culturas, revelou-se muito elevado. A proporção macho/fêmea obtida em armadilhas adesivas azuis foi significativamente maior do que a encontrada em flores. Observou-se um efeito da cor das armadilhas e um efeito dos tratamentos fitossanitários na avaliação da referida proporção. ### - ABSTRACT - The field research was performed on Frankliniella occidentalis (Pergande) (Thysanoptera: Thripidae), inside greenhouse ornamental and vegetable crops. No nocturnal flight was detected. During daylight, a bimodal daily flight curve was registered, with one peak in the middle of the morning and another one in the middle of the aflemoon. Explicativa hypotheses for this curve's shape were explored. Daily flight periodicity was not different between sexes. Temperatura and solar radiation data associated with flight activity are presented. Flight occurred preferentially at the top of the crops. Sex ratio was higher at this levei. The distribution pattern of individuais in flight was aggregated. 10-22cm/sec was the flight speed estimated. At very low population densities, the presence of individuals was detected as isolated spots changing placa every week. At high population densities, all sample units (traps) detected the presence of individuals but the overall places where more individuais were caught changed weekly (with the detection of some preferred places). Adults and larvae were preferentially in open flowers, but individuais were also caught in apparently closed floral buris. The larga majority of prapupae and pupae were not found above the soil. When resting on the crops, individuais were distributed at random and they were the basic distribution units. `Me number of sample units needed to estimate population densities, for crop protection purposes, was very high. Sex ratio obtained in blue sticky traps was significantly higher in flowers. A trap's colour effect anda pesticida effect were detected in sex ratio evaluation. Key words: Thysanoptera, Frankliniella occidentalis, flight, dispersion, sex ratio
URI: http://hdl.handle.net/10174/11377
Type: doctoralThesis
Appears in Collections:BIB - Formação Avançada - Teses de Doutoramento

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Célia Isabel Meirinho Mateus - 92 227.pdf44.75 MBAdobe PDFView/OpenRestrict Access. You can Request a copy!
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Dspace Dspace
DSpace Software, version 1.6.2 Copyright © 2002-2008 MIT and Hewlett-Packard - Feedback
UEvora B-On Curriculum DeGois